Certificação e Certificado Digital

A preocupação com a falsificação de documentos vem desde a Idade Média, onde através do início dos estudos sobre a Diplomática e a Paleografia, ou seja, a verificação de que o documento apresentado era verdadeiro e autêntico, de acordo com regras definidas e fiscalizadas pelas chancelas medievais.

 

Com o passar dos tempos, o papel das chancelas foi passado para os arquivos e órgãos do poder judiciário como tribunais e cartórios, entretanto com a vinda da internet e os documentos digitais, a verificação da veracidade e da autenticidade dos documentos tornou o processo muito burocrático e trabalhoso.

Leia mais